Ataque ao islam ou Islão a nu – Para tomar consciência do terror islâmico e o atacar

Petição contra a lapidação de mulheres

Posted by ombl em Outubro 27, 2006

“Quem não tiver pecados, que atire a primeira pedra.” (Jesus Cristo)

” Petição da Amnistia Internacional contra a lapidação no mundo muçulmano. Assina já! Divulga.
Não podemos defender o fim das touradas ou ser contra o abate de focas no Canadá e ficarmos insensíveis à lapidação , até à morte, de um ser humano, cujo único “crime” é o adultério. “

6 Respostas to “Petição contra a lapidação de mulheres”

  1. Um espectador said

    PORTUGAL JÁ REALIZOU LAPIDAÇÕES(APEDREJAMENTOS)

    Atirar pedras no presente sem lembrar dos crimes cometidos no passado é cegueira histórica.
    Na época em que o reinado português mantinha união indissolúvel e rendosa com os criminosos da inquisição católica,uma mulher chamada Beatriz Gonçalves de Gouveia foi APEDREJADA e queimada viva,após D.João III obter autorização de Roma para criar o famigerado Tribunal do Santo(?)Ofício. A cerimônia macabra de apedrejamento em 1543,foi presidida pelo frei Antonio de Lisboa,pertencente ao Convento de Cristo.
    Uma outra LAPIDAÇÃO ocorrida em território português,ocorreu em Lagos,cuja nome da vítima era Luisa de Jesus.
    Na atualidade,não mais havendo união entre a Igreja e o Estado português,nem apoio legislativo para este tipo de crime,ainda assim tem sido praticado como “justiça privada” ou crime praticado pelas próprias mãos,a exemplo do cometido na pessoa da transexual brasileira Gisberta,em 2006. Os autores,16 menores da Oficina São José,uma instituição educativa católica da Cidade do Porto,esfaquearam e APEDREJARAM a vítima até a morte.
    É muito fácil condenar o Irã por violações dos direitos humanos,com o intuito de criar uma imagem negativa para o Islã. Contudo,os senhores deviam exigir respeito a esses direitos e começar esta luta no seu próprio país e no resto do mundo,pois,em Portugal tais direitos ainda são violadas.
    Segundo a Doutora Teresa Nogueira,Presidente da Anistia Internacional,Seção Portuguesa,a polícia não respeita os direitos humanos em Portugal,ressaltando também,que na prática é péssima a situação de proteção da mulher,sendo contraditória com o disposto na lei.
    Senhores: Portugal,ex-império colonialista,não devia esquecer das mortes atrozes,degredos,açoites e genocidios contra índios e negros africanos,cometidos em terras do Brasil. Além de sofrerem toda sorte de desumanidade eram considerados como coisa ou mercadoria negociável.
    Não esqueçam que a opulência e a riqueza de Portugal(que hoje vocês desfrutam),vieram do suor e do sangue dessas pessoas que foram atingidas nas suas dignidades,honra e vidas infelizes que levavam. Por outro lado,por uma questão de honestidade os senhores também deviam tornar público que a lapidação(apedrejamento)surgiu como pena favorita do legislador hebraico(JUDAISMO),a religião monoteista mais antiga.
    Assunto como este, deve ser tratado sem demagogia,sem tendenciosidade,pois,paises como JAPÃO, ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA e Outros,têm na legislação a pena capital e devem ser combatidos. Será que os senhores já levantaram a bandeira dos direitos humanos contra esses países notadamente fascistas ? Será que já enfrentaram uma forca,cadeira elétrica,injeção letal e lapidação para saberem qual dessas formas de morte é mais “suave”,dolorosa ou cruel ? Por que condenar um modo de tirar a vida em um país e se omitir quantos aos outros?
    Isto é realmente bastante suspeito e muito comprometedor.

  2. Anónimo said

    Mas em que mundo e cultura vivem ?
    Querem dizer que o islão é melhor porque defende e faz o mesmo ou pior que os piores criminosos do passado ?
    Sobre os gays, aqui ainda, nem sempre bem, se tenta julgar e condenar os agressores dos homossexuais, e não há nenhuma lei que defenda e permita agressões contra eles.
    O mesmo não acontece no corão.
    Sobre a escravatura, o islão teve e tem muitas mais responsabilidades, escravizava os próprios e os outros, europeus, asiáticos, africanos, todos.
    E aos africanos ainda lhes cortavam os testículos.
    “que a opulência e a riqueza de Portugal…”
    Não,meu caro, nada disso, antes pelo contrário. Se estudar a história, ficará a saber que foi muito mais do que aquilo que veio.
    A riqueza e opolência do islão é que vêm da escravatura.
    No passado, escravizaram, mataram, ocuparam, roubaram e no presente andamos a trabalhar e a pagar o petróleo muito acima do valor que ele custa e ainda por cima nos ameaçam e temos que os aturar.

  3. Um espectador said

    À FALTA DE ARGUMENTOS,PREFEREM INVENCIONICES SOBRE O ISLÃ. DEMONSTRAM QUE NÃO CONHECEM OS SEUS TEXTOS.
    – SÓ OS IGNORANTES ACREDITARÃO NO COLUNISTA DESTA PÁGINA DE INSPIRAÇÃO SALAZARISTA.

    Não conhecem o Islã e procuram atingí-lo. Mas,isto é explicável,pois o grande presidente e revolucionário chinês,Mao tsé-tung, já dizia:

    ” Na sociedade de classes,cada homem ocupa uma posição de classe determinada e não existe qualquer pensamento que não tenha um sentido de classe.”

    ” Todos os reacionários são tigres de papel. Terríveis na aparência,na realidada não são tão poderosos assim. Encarando os fatos do ponto-de-vista do futuro,o povo é que é verdadeiramente poderoso e não os reacionários”

    Os senhores devem ainda viver sob os prinçípios reacionários e carcomidos do salazarismo tão a gosto dos terroristas da PIDE. A revolução dos cravos precisa tomar cuidado com vocês e providenciar para que passem por um processo de reeducação política e tolerância religiosa.
    A que hostes reacionária vocês pertencem,já que a existência social do homem determina o seu pensamento ?

    Finalizo,invocando aquí as palavras de um escritor chinês Sema Tsien: ” morrer pelos interesses do povo pesa mais que o monte Taichan,MAS ESTAR A SERVIÇO DOS FASCISTAS E MORRER PELOS QUE EXPLORAM E OPRIMEM PESA MENOS QUE UMA PLUMA.”

  4. Anónimo said

    Noutro comentário andaram nas poucas vergonhas com um nazista.
    Agora a prostituição é com os maoístas e maomé já não conta.
    Afinal em que é que ficamos ?
    Lembrem-se que o fascismo é de inspiração islamista.
    O chefe sabe a verdade e os outros têm que obedecer.
    Vê-se claramente nisso a nefasta influência cultural do islão no atraso deste país e nos problemas do Mundo.
    Quanto aos textos do islão, quanto mais se conhecem mais se vê que aquilo não tem pés nem cabeça nem coisa que se pareça.
    O alcorão é um insulto a Deus da primeira à última letra.
    Quanto aos islamistas, até pelos comentários que aqui deixam se vê quem são.

    ” …por um processo de reeducação política e tolerância religiosa…”
    Isto é uma frase tipica de um inquisidor, de um pide dos piores , de um opressor, de um esclavagista, de um ditador.
    Os alcaidistas estão muito mal habituados com a incompetência, tolerância e submissão dos Judeus, Americanos e Europeus. Não pensem que somos todos assim.
    Ficam com raiva ao lerem estas verdades?
    É natural.
    É o espírito de Deus que está convosco.

  5. Um espectador said

    A PÁGINA -OSAMA- UM CONVERTIDO À VERDADE, É UMA FRAUDE INFORMATIVA.

    Já fui maoista e tenho o direito de invocá-lo.

    Mao Tsé-tung,foi um grande estadista e dizia sempre:

    “ser atacado pelo inimigo é uma boa e não má coisa”. “devemos apoiar tudo quanto nosso inimigo combate e combater tudo quanto ele apoia”.
    Olhe, o fascismo não é de inspiração islâmica,pois a história ensina que ele saiu da
    Itália de Benito Mussolini e tão bem se incorporou na cabeça dos portugueses salazaristas como o mantenedor desta página.
    Errou tambem quando atribue que processo de reeducação política é coisa do Islam. A reeducação política foi termo criado e usado pelas extintas democracias populares socialistas,que eu acho que vocês também tem medo. Já traçei o perfil de vocês: judeus sionistas ou pró-judeus sionistas,pequenos burgueses salazaristas-fascistas,americanistas, tão ao gosto dos criminosos genocidas da Casa Branca. Este serviço de desinformação midiática que vocês fazem,tão ao gosto da espiã CIA marginal americana,não vai adiantar nada,pois o mundo está atento para esse tipo de manobra.

  6. Anónimo said

    Osama e outros tiveram a infelicidade de nascerem naquela cultura. Se fosse noutra não teriam feito o que fizeram. Nada melhor do que terem outro ponto de vista para verem a verdade. Tão simples quanto isso.
    ” Já fui maoista e tenho o direito de invocá-lo…”
    Ficamos a saber de que gosta de tudo o que seja criminoso.
    Não tem nenhum direito de invocar mao, quando se passou para o islão, invocar o outro é alta traição, sabia ?
    Se o corão fosse verdadeiro, o que lá se diz seria suficiente e bastante.
    Fique também a saber que o método fascista é muito anterior ao fascismo oficial ?
    E veja lá se sabe alguma coisa de história. Pois foi a América quem mais ajudou à derrota do nazismo, à transformação dos fascismos e à falência do comunismos ditatoriais.
    Quanto à CIA e ao Bush, o mal é não saberem o que o islão é, e serem tolerantes, incompetentes, subservientes para com os novos totalitarismos.
    Se quer criticar a América, tem que criticar, antes, muitas mais coisas nos outros.

Sorry, the comment form is closed at this time.

 
%d bloggers like this: