Ataque ao islam ou Islão a nu – Para tomar consciência do terror islâmico e o atacar

Os enganados muçulmanos tentam enganar incautos

Posted by Conselho Superior do Supremo kalifado em Junho 29, 2010

Divulgar o Islão como uma religião (in)tolerante por Yiossuf Adamgy no Diário de Notícias
A verdade é que o islam é tão mas tão intolerante que nem sequer Deus (Allah original), pode ter o mínimo espaço ou sinal de vida no maometismo.

Nota: os muçulmanos são mesmo enganados, pois maomé disse que o seu allah era o maior enganador.

Mulheres por trás do véu – Expresso ou  (Monstras atrás do disfarce)
A história de andarem cobertas não começou com maomé ou com o allah maometano, mas sim num seguidor de maomé.
Se fosse  para não serem molestadas, uma forma mais eficaz seria afastarem-se de todo o muçulmano o mais possível e andarem cobertas com produtos suínos, de preferência matéria fecal suína.
Se fosse para cumprir os preceitos islâmicos, então nem sequer deviam sair de casa, ou pior, nem sequer deviam sair da barriga da mãe, porque assim que nascem estão automaticamente a insultar maomé, mesmo sem o saberem.

“O Ocidente deve prestar mais atenção à religião” Expresso
Estes e outros argumentos usados pelo entrevistado servem para os muçulmanos se enganarem a si próprios, tentarem enganar os outros e esconder o núcleo central da ideologia islâmica.
E a ideia principal do maometismo é a de atacar o outro, nem que o outro seja o mais muçulmano, corão, maomé ou o próprio Allah.
No islão, Allah, O Original, não “fala” nem tem espírito, maomé deixou-o sem o mínimo sinal de vida.
O corão escrito no tempo de maomé, foi todo destruído de propósito pelos muçulmanos mais importantes.
Se analisarmos ao pormenor, tudo no islão são insultos a a maomé.
Os muçulmanos passam a vida a acusar tudo e todos, de tudo e mais alguma coisa.
Em verdade, um maometano começa por ser um enganado, passa a cobarde por jamais querer por em causa seja o que for de maomé, e acaba aceitando, defendendo e justificando as maldades que os muçulmanos em nome do islão fizeram, fazem e querem fazer.
No inicio maomé já queria o poder todo e nem corão tinha, o que prova que o islão nem sequer é baseado nesse livro, muito menos em filosofias ou ideologias posteriores.
Como foi dito, o islão é baseado principalmente numa atitude, que é a de atacar o outro.
Mas se um muçulmano de momento não puder atacar o outro directamente, então ameaça.
Se não puder ameaçar, tenta enganar.
Se não puder enganar, auto vitimiza-se.
Se não puder auto vitimizar-se,  insulta e cria paranóias.
E por aí vai…

O Ocidente deve efectivamente dar mais atenção, mas às religiões da vida e rejeitar a do super satan, que é o islamismo.

Para que se saiba, pela doutrina maometana foi o respectivo allah que fez satan, deu permissão a satan e só a satan.

Se o fez, está mais do que claro que ainda era pior do que o dito cujo.
O allah maometano era mesmo o super satan disfarçado.
Já houve tempo de os muçulmanos mais eruditos saberem desta e de outras verdades e de as desmentirem.
Não o fizeram, o que só as comprova e confirma como verdades, nem jamais as poderão desmentir, pois são mesmo verdades verdadeiras.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: